Negócios

Quem mora no Canadá já pode comprar frango frito com bitcoin

Promoção bitcoin bucket, do KFC (Foto: Reprodução)Promoção "Bitcoin Bucket", do KFC (Foto: Reprodução)

Todos os dias o bitcoin perde algumas batalha e vence outras, ao que parece. Embora encontre obstáculos regulatórios, a criptomoeda do momento vem ganhando espaço como meio de pagamento em estabelecimentos tradicionais ao redor do mundo. Um dos mais recentes exemplos é canadense. O KFC local criou uma campanha para aceitar pagamentos em bitcoin para frango frito por um tempo limitado

A promoção ganhou o nome de "Bitcoin Bucket" (ou balde bitcoin) — basicamente um balde de frango frito que você pode pagar com a moeda virtual. "Claro, a gente não sabe muito bem o que é bitcoin, ou como funciona, mas isso não deveria te impedir de comer um frango de lamber os dedos", tuitou a empresa.

saiba mais

  • Por que Warren Buffett nunca vai investir em bitcoin

O preço em bitcoin varia. Os clientes pagam o equivalente a 20 dólares canadenses em bitcoin. A compra, contudo, não pode ser nas lojas físicas, somente pela internet.

"Bem-vindo a 2018, Canadá. Apesar dos altos e baixos do bitcoin, nossa receita original continua tão boa quanto sempre. Então, troque seus bitcoins por baldes e invista em algo delicioso", diz o site da companhia. "Só podemos aceitar compras dentro do Canadá. Desculpa, resto do mundo."

No Brasil, as criptomoedas, que hoje estão na carteira de muitos investidores, não poderão constar no portfólio dos fundos de investimento, conforme determinação da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) divulgada hoje.