Tecnologia

Navegadores da Microsoft podem estar caminhando para a irrelevância

Caso mantenha resultados recentes, empresa de Redmond deverá ter participação de um dígito no segmento de browsers em 2020, quando Windows 7 será aposentado.